segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Quadrante elabora estudos ambientais em 4 centrais solares no Alentejo

A Procesl-Quadrante, empresa que pertence ao grupo Quadrante, foi responsável pela elaboração dos Estudos de Incidências Ambientais de quatro centrais solares no Alentejo. As centrais em causa, localizadas em Barrancos, Vila Nova de Milfontes e Castro Verde vão produzir eletricidade com recurso a energia solar.

Os quatro parques, em conjunto, representam o aumento em cerca de 36 MW de potência instalada, com a implantação de 126 700 painéis fotovoltaicos e ocupação de uma área de cerca de 20 hectares, estimando-se que a produção total anual ascenda a 65 GWh.

Os estudos incluíram, para além da avaliação ambiental das centrais, a avaliação das respetivas ligações à rede pública de média tensão, incluindo alternativas, com extensões entre 1km e 12 km. A Procesl-Quadrante analisou e caracterizou a área afetada pela construção das infraestruturas ao nível do clima, hidrologia e qualidade da água, biodiversidade, enquadramento socioeconómico, qualidade do ar, ambiente sonoro, património arquitetónico e arqueológico, ocupação do solo, ordenamento do território e paisagem.

Após a identificação e avaliação dos impactes ambientais e sociais, foram ainda propostas medidas de mitigação e compensação, bem como a implementação de programas de monitorização, nas várias vertentes ambientais analisadas.
Para Ana Ferraz, responsável pela área de Ambiente do grupo Quadrante, “para o nosso Grupo é muito importante contribuir de forma direta para o reforço da capacidade de produção de energia de origem renovável no nosso país, em projetos que desempenham um papel preponderante para a descarbonização da economia e cumprimento das metas a que nos propusemos, rumo a um futuro mais sustentável!”.










Seja o primeiro a comentar

Publicar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO