quarta-feira, 28 de maio de 2014

Garcia, Garcia cresce 100% em três anos

A Garcia, Garcia cresceu 100 por cento em três anos, apenas no mercado nacional, contrariando a crise que o setor atravessa em Portugal. A construtora, com sede em Guimarães, liderada pela terceira geração da família Garcia, é também a única neste momento em Portugal responsável pela construção de dois Projetos de Potencial Interesse Nacional (PIN) – o complexo industrial da norte-americana BorgWarner, no Parque Industrial de Lanheses em Viana do Castelo, e a nova unidade da Casfil no Parque Industrial da Ermida, em Santo Tirso.

Esta foi a empresa por trás da construção da nova unidade industrial da multinacional alemã Leica, do novo Centro Logístico da Garland e da Unidade Industrial Móveis Costa Pereira, as três marcadas pela presença do Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva.

Com atividade iniciada em meados dos anos 20, a Garcia, Garcia apresenta um crescimento sustentado desde os anos 80, tendo entre 2010 e 2013 visto crescer o seu volume de negócios, proveniente unicamente da sua atividade em Portugal, de 10 para 20 milhões de euros.
Com aproximadamente 130 colaboradores, é de salientar o elevado grau de especialização que este género de obras requer, bem como a necessidade de cumprir prazos muito restritos, sob pena do cliente poder perder milhares de euros devido ao abandono de encomendas.

Actualmente a Garcia, Garcia está a construir unidades industriais para a Flex 2000, BorgWarner, Casfil, entre outras.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO