quarta-feira, 20 de abril de 2011

Construtora NOVOPCA abre falência

A queda de empresas de construção não pára no nosso país e ontem surgiram notícias de que a NOVOPCA se tornou no caso sonante mais recente. A NOVOPCA foi fundada em 1947, e é titular do alvará de construção número 3384.
Nos últimos meses outras empresas de construção importantes tiveram o mesmo fim, como por exemplo a Mesquita e a FIB. De seguida deixamos duas notícias sobre a falência da NOVOPCA.

Criada há 64 anos, a construtora NOVOPCA apresentou hoje o pedido de insolvência. Trata-se de uma grande empresa dedicada, sobretudo, a grandes obras públicas, como pontes, viadutos e auto-estradas.

Em algumas obras, os trabalhadores foram esta tarde enviados para casa, apurou a Renascença.

Fonte da empresa confirma que a NOVOPCA resistiu enquanto pôde, mas apresentou hoje o processo de falência no Tribunal de Vila Nova de Famalicão, acompanhado por um plano de recuperação. Se volta ou não a trabalhar vai depender dos credores e dos clientes num processo que se adivinha difícil.

A NOVOPCA foi criada em 1947 e tem obras emblemáticas por todo o país, como a fábrica da cerveja Portugália ou o Planetário de Lisboa.

Os últimos dados no site da construtora referem que tinha, em 2009, perto de 400 trabalhadores.

Fonte: Rádio Renascença

A insolvência da construtora NOVOPCA afecta cerca de 400 trabalhadores, confirma o sindicato dos trabalhadores da construção civil.

“Directamente afecta 400 trabalhadores mas, se calhar, quadriplica porque tem outros empreiteiros a trabalhar. Os trabalhadores receberam a carta e a empresa vai para insolvência”, disse.

A estrutura sindical revela ainda que outras empresas de grande dimensão atravessam sérias dificuldades, mas não avança quais.

Albano Ribeiro refere, no entanto, que este é um momento trágico para o sector da construção e em causa podem estar “50 mil postos de trabalho”.

Fonte: Rádio Renascença









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO