terça-feira, 19 de maio de 2020

Portugal é o país com maior percentagem de cobertura de fibra ótica em zonas rurais

De acordo com o estudo anual realizado pela consultora IDATE para o FTTH Council Europe, a associação que representa o ecossistema Europeu de redes de fibra ótica, Portugal é o país com maior percentagem de cobertura de fibra ótica em zonas rurais. O relatório, publicado no final de abril, aponta que Portugal lidera o ranking Europeu com 53% das casas cobertas, seguindo-se Espanha com 42% e Suécia com 38%.

De acordo com a mesma fonte, Portugal evoluiu muito rapidamente na implantação de redes FTTH em áreas rurais, atingindo uma cobertura que triplica os valores médios na Europa.

O relatório revela ainda que, embora subsista uma forte presença de redes de cabo coaxial no território nacional, o FTTH é a principal tecnologia, o que tem permitido atingir uma largura de banda média superior a outros países.

dstelecom leva fibra ótica a um terço dos municípios de Portugal continental
A dstelecom tem sido um dos principais promotores destes resultados, disponibilizando hoje a fibra ótica a 400 mil casas de 95 municípios em zonas rurais, através de uma rede neutra e aberta a todos os operadores de telecomunicações.

A origem desta rede está no concurso ganho em 2010 para a construção, gestão, exploração e manutenção das Redes de Nova Geração (RNG) nas zonas rurais do Norte e Sul do país, que foi posteriormente expandida a outros vinte concelhos. Esta rede incorpora hoje as tecnologias mais modernas para servir todos os operadores de telecomunicações do país num formato grossista, neutro e transparente.

Ricardo Salgado, CEO da dstelecom, destaca que “após termos consolidado em 2019 o nosso posicionamento no setor das telecomunicações em Portugal, não pouparemos esforços para conseguir cobrir mais 150 mil casas este ano e mais 250 mil em 2021, duplicando, assim, a cobertura atual.










Seja o primeiro a comentar

Publicar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO