segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Grandavenue investe 250 M€ na 1ª Edge City em Portugal

A Grand Avenue vai investir €250M até 2025 no empreendimento ‘Jardins Efanor’ em Matosinhos, naquela que designa a primeira Edge City em Portugal, depois de, em 2018, ter adquirido à Sonae Capital por €30M a Prédios Privados – sociedade veículo que detinha o empreendimento.

A coordenação do projeto está a cargo da Invest&Co, empresa especializada na gestão e promoção de ativos imobiliários, que já anunciou a construção de 10 edifícios numa área total de 105.000 m2, com 60% da área direcionada ao segmento residencial com 400 apartamentos e 40% ao setor terciário, estando também prevista a construção de uma unidade hoteleira.

“É seguramente o maior projeto imobiliário em curso no Norte e talvez no País e queremos que os Jardins Efanor sejam um espaço privilegiado de coliving e coworking, seguindo as novas tendências de urbanismo, enquanto espaço moderno com acesso a todo o tipo de valências, desde a residência, trabalho, saúde, o shopping, a educação, o hipermercado”, refere Pedro Barros Rolo, Partner da Invest&Co”.
Recorde-se que em volta deste empreendimento estão já construídas e a operar várias entidades, como o Instituto CUF, o NorteShopping, a Porto Business School, o hipermercado Continente, todos eles projetados há largos anos por Belmiro de Azevedo e pela sua equipa, e que via nos ‘Jardins Efanor’ o culminar de todo um projeto que idealizou para aquela extensiva área.

“Queremos respeitar o legado da família Azevedo e não há nenhuma decisão estratégica que não seja coordenada com a Fundação Bemiro de Azevedo e com a Sonae SGPS”, assegura o mesmo responsável.


Até ao final do primeiro trimestre de 2020, estarão disponíveis mais de 60 apartamentos tipologia T3 e T4, sendo que os mesmos já se encontram em fase de pré venda e com mais de 50% já reservados.










Seja o primeiro a comentar

Publicar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO