quinta-feira, 6 de abril de 2017

Grupo dst executa projeto de sobreequipamento do Parque Eólico da Arada/Montemuro

O grupo dst, através da empresa dst sa, está a executar o projeto de sobreequipamento do Parque Eólico da Arada/Montemuro – 2ª fase, promovido pela empresa Eólica da Arada - Empreendimentos Eólicos da Serra da Arada, S.A. e licenciado pela Agência Portuguesa do Ambiente, pela Direção Geral de Geologia e Energia e pelos municípios de Cinfães, Castro Daire e São Pedro do Sul. O objetivo desta empreitada, que passa pela intervenção do grupo dst nos referidos municípios, é o de reforçar a capacidade de produção média anual de energia elétrica em 30 GWh no Parque Eólico da Arada/Montemuro.

A intervenção, que representa um volume de negócios de cerca de 1.3 milhões de euros para o grupo dst, estende-se por três subparques (Subparque de Arada, Subparque de Picão e Subparque de Carvalhosa) e prevê a instalação de cinco aerogeradores e a execução de vias de comunicação, drenagens, valas de cabos e requalificação ambiental, a cargo da dst, sa.

A steelgreen, empresa parceira e especialista no corte e moldagem de varão nervurado em Portugal, participa também neste projeto de energias renováveis, através do fornecimento, corte e moldagem de armaduras de aço.
Para José Teixeira, presidente do Conselho de Administração do grupo dst, este projeto “reflete a aposta estratégica que temos vindo a fazer no setor das energias renováveis, mercado onde já assumimos uma posição de liderança, uma área em clara expansão e onde a inovação e know-how são fundamentais para o sucesso”. A aposta, garante, é para continuar. “Queremos continuar a encarar as energias renováveis com uma dimensão estratégica, em termos de negócio, através da garantia de qualidade na execução e no escrupuloso cumprimento dos prazos previstos”, concluiu.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO