sexta-feira, 11 de outubro de 2013

Nova Iorque mantém-se como a cidade que atrai mais investimento imobiliário comercial

Nova Iorque é o maior mercado de investimento imobiliário pelo terceiro ano consecutivo, tendo o volume de investimento subido 39% para os 49,2 mil milhões de dólares na primeira metade de 2013. Por sua vez Londres ocupa o segundo lugar do ranking tendo registado um aumento no volume de investimento de 6% para os 32,3 mil milhões.

Seguindo a tendência já registada em 2012, os mercados core mantém-se como os mais atrativos para os investidores imobiliários, tendo sido a cidade de Nova Iorque a que mais investimento atraiu na primeira metade de 2013, de acordo com o último estudo publicado pela Cushman & Wakefield (C&W), Winning in Growth Cities 2013.

As 25 cidades globais que atraíram mais investimento imobiliário até Junho registaram uma subida de 53% para 55% na quota de mercado. Contudo, e apesar destas cidades em mercados maduros serem preferidas pelos investidores pela sua estabilidade e liquidez, já se observam sinais de procura em mercados periféricos.

O top 25 sofreu algumas ligeiras alterações desde o ano passado, com Pequim e Estocolmo a saírem da lista e Denver e Frankfurt a subirem. As cidades com um maior aumento nos volumes de investimento foram Austin, Milão, Las Vegas, Montreal e Tampa. Aliás, é de realçar que 15 das 25 cidades com maior e mais rápido crescimento se localizam na América do Norte, o que se deve aos sinais de recuperação económica registados nesta região. Quatro das cidades deste top são na Europa e seis na Ásia.
No que respeita ao investimento por setor, o mercado de escritórios atraiu a maior parte totalizando 45%, seguido por retalho (26%), que foi o setor que registou maior crescimento.

O estudo Winning in Growth Cities monitoriza as cidades do mundo com maior e mais rápido crescimento a nível de investimento imobiliário, estudando as variações de preço, evolução da procura e dinâmica dos setores de escritórios, retalho e industrial.

Através da análise destes vários fatores, a importância de Nova Iorque e Londres foram reforçadas mais uma vez posicionando-se nos primeiros lugares do ranking das variáveis apresentadas. Paris, Tóquio, Hong Kong, Singapura e São Francisco também se posicionaram muito bem relativamente aos fatores analisados, seguidos por Xangai, Seul e Los Angeles.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO