domingo, 18 de agosto de 2013

Engenheiros e arquitectos esqueceram-se de fazer elevador em arranha-céus

A construção das Torres InTempo em Benidorm, Espanha, é provavelmente a obra mais falada (e mais gozada) do mundo nos últimos dias. Inicialmente estava previsto que estas torres tivessem 20 andares, mas com o decorrer da obra foi decidido acrescentar-lhe 27 andares. Os engenheiros e arquitectos com responsabilidades na obra decidiram avançar com essa alteração, mas esqueceram-se do elevador para este acréscimo ao projecto inicial.

Este arranha-céus foi pensado como símbolo de esperança e prosperidade, mas neste momento é um ícone que e engenharia civil e a arquitectura dispensavam bem. Os engenheiros e arquitectos responsáveis por este erro demitiram-se e neste momento o problema permanece sem resolução, estando a obra parada e sabendo-se apenas que as torres não poderão ficar com elevador apenas até ao vigésimo andar.









3 Comentários:

João Nogueira disse...

Nao sei se será verdade...
http://es.wikipedia.org/wiki/In_Tempo
"Corrió el rumor que no se había contado con los huecos necesarios para los ascensores. Pero tal rumor fue desmentido al poco tiempo."

kurtSoares disse...

@EngenhariaEConstrução, a noticia está incorrecta, leiam isto:

http://barcepundit-english.blogspot.pt/2013/08/that-story-about-spanish-skycraper.html

Anónimo disse...

Pouco sei disto mas um prédio com 47 andares em relação a um de 20 andares tem necessidades diferentes de elevadores logo a questão da falta de elevadores pode ser colocada.

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO