terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Edifer com situação insustentável

Vera Pires Coelho, presidente do conselho de administração da Edifer, enviou um comunicado aos trabalhadores da empresa onde afirma que "A situação de tesouraria continua insustentável e resulta da seguinte espiral negativa: clientes importantes não nos pagaram e, em consequência, temos vindo a atrasar pagamentos aos nossos fornecedores que são determinantes para a nossa actividade e começámos a registar quebras na produção das nossas obras com a facturação a diminuir sistematicamente mês após mês". Diz ainda que a empresa não está "a conseguir desbloquear os fundos necessários para regularizar as dívidas".

A Edifer emprega em Portugal cerca de 900 trabalhadores, que estão assim com os seus salários em atraso. É a segunda notícia do género a surgir hoje, depois de já aqui termos dado conta da situação de salários em atraso na FDO.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO