quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Gabriel Couto constrói Hotel Torel Avantgarde no Porto

O Hotel Torel Avantgarde tem uma localização privilegiada, no número 336 da Rua da Restauração, a apenas 500 metros da Torre dos Clérigos, e surge agora como mais uma opção hoteleira na cidade do Porto. Este novo boutique hotel com classificação cinco estrelas que tem como foco a arte, e a particularidade de possuir uma vista impressionante para o rio Douro e Vila Nova de Gaia, resultou de mais um projeto de recuperação e reabilitação levado a cabo pela Gabriel Couto.

O grupo Torel Boutiques, que detém o Torel Palace Lisboa e o Torel Cliff Surf & Golf, inspirou-se nos artistas de vanguarda para criar um lugar onde a arte não é apenas um complemento, é a base de tudo. Com um total de 47 quartos, 37 com vista para o rio Douro e para V.N. Gaia, é de homenagens que se fala lá dentro, sendo todos os quartos inspirados em artistas. Desde o quarto clássico, até à suite royal, o design e a decoração refletem a personalidade de artistas ligados à arte, literatura e ciência, tais como Francis Bacon, Charles e Ray Eames, Amadeu de Souza-Cardoso ou Ignazio Jacometti.
Da autoria do gabinete de arquitetura NNArquitectura, este novo boutique hotel tem também um restaurante chamado Digby, inspirado na cozinha portuguesa com um toque contemporâneo, um spa com ginásio, banho turco, duas salas de massagens, e ainda uma piscina exterior com uma vista deslumbrante. Tal como em todos os quartos, também aqui se fala de arte, tendo o projeto de decoração sido desenvolvido por quatro artistas portugueses: Jorge Curval, Frederico Draw, Daniel Eime e Paulo Neves.
Ao longo da obra de reabilitação, procedeu-se ao alargamento do corpo central do edifício e à elevação da cobertura do corpo virado para a rua, estendendo assim o piso superior. A necessidade de permanente compatibilização dos trabalhos em simultâneo nas diversas infraestruturas foi o maior desafio da obra, facto que exigiu acurados cuidados de preparação, assim como uma atenção redobrada na execução das novas edificações.
A particularidade de se tratar de um hotel de cinco estrelas, exigente no que respeita ao mais ínfimo pormenor ao nível dos acabamentos, e onde cada quarto tem uma temática e decoração diferente, obrigou a um detalhe perfecionista em todas as fases da obra por parte do construtor Gabriel Couto.
«Todo o processo de planeamento de obra, com análise detalhada das diversas subempreitadas, bem como a gestão eficiente das diversas equipas foram determinantes para o êxito alcançado pela Gabriel Couto na conclusão do projeto», conclui Carlos Couto, CEO da empresa.










Seja o primeiro a comentar

Publicar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO