quinta-feira, 10 de outubro de 2013

Novo Centro de Dados da Portugal Telecom adota soluções da Schneider Electric

A Schneider Electric, especialista global em gestão de energia, foi a escolhida pela Portugal Telecom (PT) enquanto fornecedor principal para a realização da parte elétrica do seu Centro de Dados na Covilhã.

O objetivo desta instalação passou por tornar o novo Centro de Dados 100% sustentável e altamente rentável em termos de custos e no menor tempo possível.

De modo a que fosse possível suportar um espaço com uma área bruta de construção total de cerca de 75.500 m2, num edifício com 33 metros de altura que acolhe apenas três pisos (cada um com uma altura equivalente a 11 metros), foi indispensável uma estrutura única de energia elétrica capaz de garantir o funcionamento das instalações.

A solução implementada mantém os custos elétricos em baixa, respeitando todos os objetivos de disponibilidade, densidade e escalabilidade. Nos Centros de Dados de hoje, a integração simples destes sistemas de distribuição com a gestão constitui uma necessidade que garante, não só que a disponibilidade é cumprida, mas também que a eficiência é maximizada numa base contínua, para além de disponibilizar as medidas e reportar todos os dados energéticos, imprescindíveis ao cumprimento das principais métricas de desempenho.

Esta arquitetura integrada e modular de distribuição elétrica, foi projectada para cumprir as necessidades de controlo e otimização da infraestrutura do Data Center, bem como, satisfazer os requisitos de Fiabilidade e Eficiência Energética definidos pelo modelo de negócio da PT.

O fornecimento da Schneider Electric assentou na implementação de150 quadros elétricos OKKEN e PRISMA, principais e secundários, instalados entre o edifício de Suporte e o Bloco Técnico. De assinalar que os referidos quadros são todos projectos de engenharia nacional, tendo sido construídos integralmente no nosso país.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO