segunda-feira, 25 de julho de 2011

Vantagens e desvantagens das coberturas ajardinadas

Encontra-se cada vez mais em projectos soluções de coberturas ajardinadas em vez das soluções mais tradicionais. Este ponto constitui uma inovação significativa para a construção, ainda que nem toda gente seja adepta do conceito. Pois bem, para quem está fora do assunto, e de forma bastante simples uma cobertura ajardinada é exactamente aquilo que o nome significa: um jardim na cobertura. Como sempre nestas questões as opiniões dividem-se, uns vincam as vantagens, outros referem as desvantagens. Já temos dito que nestas coisas quem tem o poder de decidir é que sabe, o importante é que esteja na posse dos argumentos a favor e contra para pesar bem a sua escolha. Neste artigo vamos desenvolver as vantagens e desvantagens do sistema de cobertura ajardinada.

Vantagens:

- Desempenho térmico: pelo facto da vegetação interceptar a luz solar, no verão sente-se menos calor no interior do edifício; no inverno consegue-se manter a temperatura interna pois a camada de terra e vegetação serve como isolante.

- Desempenho acústico: o solo tende a bloquear as frequências de som baixas enquanto que as plantas tendem a bloquear as frequências altas; assim também o conforto no interior do edifício aumenta.

- Economia a longo prazo: havendo menos variações de temperatura no interior do edifício, os gastos em ventilação ou aquecimento serão menores.

- Solução ecológica: contribui para a renovação do ar, diminuindo o nível de dióxido de carbono e aumentando o de oxigénio.

Desvantagens:

- Crescimento das raízes: o crescimento das raízes pode afectar as camadas de impermeabilização, danificando-as.

- Manutenção: estas coberturas necessitam de trabalhos de manutenção com alguma periodicidade, que é claramente superior à das coberturas tradicionais.

- Economia a curto prazo: a solução da cobertura ajardinada é mais cara do que as outras soluções tradicionais pelo que exigirá um investimento inicial mais forte nesta parte da obra.

- Mão-de-obra especializada: devido às particularidades deste sistema, é conveniente a utilização de mão-de-obra especializada nestes trabalhos, que será naturalmente mais cara do a mão-de-obra não especializada.

- Mais cargas na cobertura: a possibilidade de as pessoas circularem na cobertura e a necessidade de camadas de terra vegetal de elevada espessura para suportar vegetação densa e de médio ou grande porte.
E vocês, o que acham das coberturas ajardinadas?









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO