terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Dst renováveis encaixa dois milhões de euros em obras de centrais fotovoltaicas

A dst renováveis é adjudicatária de mais de dois milhões de euros em obras na área da energia solar fotovoltaica, o que reforça a posição da empresa na liderança do setor em Portugal. A adjudicação da construção de centrais de autoconsumo no Instituto de Emprego e Formação Profissional de Faro, na ALGAR, Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, e nas Estações de Tratamento de Água para Abastecimento Público de Tavira e Alcantarilha, Águas do Algarve, corresponderão à instalação de mais de 1.2 MW de potência instalada.

Ao longo de 2014, as empresas do grupo que operam no âmbito da energia solar fotovoltaica (dst solar e global sun), tiveram um volume de negócios superior a dez milhões de euros, o que vem confirmar a aposta do grupo neste setor e na sua sustentabilidade futura. Aliás, o volume de investimentos fazem com a aposta na área das energias renováveis seja já central na atividade do grupo dst.
Para Raul Cunha, diretor-geral da dst renováveis, “a expectativa para 2015 passa pela duplicação do volume de negócios em função do novo dinamismo esperado para o setor, com a publicação do enquadramento legal relativo ao autoconsumo, que vem liberalizar o setor e permitir a livre concorrência entre a energia solar fotovoltaica e o mercado de distribuição de energia elétrica ao consumidor final.” O responsável da dst renováveis acredita que “vamos conseguir bater as formas convencionais de produção de energia e permitir ao cliente final adquirir energia elétrica, produzida com base em fontes renováveis, com poupança efetiva quando comparado com o mercado tradicional.” No universo do grupo dst, "a execução destes projetos vem afirmar a dst solar como uma das grandes empresas nacionais no setor solar, fruto da capacidade técnica de execução que o mercado reconhece", conclui Raul Cunha.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO