quinta-feira, 9 de maio de 2013

Prémios Tektónica 2013 distinguiram excelência no sector da construção em Portugal

No âmbito da 15ª edição da Tektónica, a AIP-Feiras, Congressos e Eventos realizou ontem à noite, na FIL, a Gala de entrega de Prémios Tektónica 2013 na qual se distinguiram os produtos mais inovadores lançados recentemente no sector da construção, a internacionalização das empresas portuguesas e a formação profissional promovida pelos expositores do salão. Entre os premiados da noite estão a Isocor, a Inarel, a Senda, a Secil, a Liftech, a AECOPS, a Barraferros, a Krannich Solar, o Grupo Preceram e o projecto em destaque nesta edição da Tektónica 2013, a ‘Casa dos Portugueses’.

A inovação é o motor de desenvolvimento do sector, que permite em grande parte a distinção e a excelência das empresas. O Prémio Inovação atribuído pela Tektónica distingue as vertentes técnicas, funcionais ou estéticas dos produtos. Nesta edição o Prémio Inovação distinguiu o sistema modular de revestimento em painéis pré-fabricados GEOGREEN, da empresa ISOCOR – Aglomerados de Cortiça, ACE, pela utilização de eco-materiais e incorporação de vegetação natural, contribuindo para o arrefecimento passivo dos edifícios.

Nesta categoria receberam ainda menções honrosas o pavimento de grés porcelânico para interiores REVI COMFORT da empresa Revigrês, pela sua capacidade de mobilidade e reutilização, assim como a facilidade de aplicação, e a linha de acessórios de casa de banho “STRAIGHT” da empresa Utilizás, S.A., pela simplicidade e universalidade do seu design.

Apesar da actual conjuntura a internacionalização tem-se mostrado como uma oportunidade de expansão para as empresas nacionais ligadas ao sector da construção. Pela importância que a projecção internacional tem neste momento para as empresas portuguesas o Prémio Internacionalização foi atribuído a 4 empresas portuguesas, a Inarel, a Senda, a Secil e a Liftech.

Demonstrando que a formação é valorizada pelos profissionais do sector da construção, a academia Tektónica que se realiza nesta edição pela 3ª vez, consiste em mais de uma dezena de acções com cerca de 300 participantes, com o objectivo de proporcionar uma actualização de competências técnicas em acções de formação promovidas por expositores da Tektónica. Esta aposta da empresas é também distinguida nos Prémio Tektónica que este ano premiaram na categoria Academia a AECOPS, a Barraferros, a Krannich Solar e o Grupo Preceram.

Na cerimónia dos Prémios Tektónica 2013 foi ainda atribuído um Prémio Especial ao projecto “Casa dos Portugueses”, uma habitação de 405 m2 construída unicamente com materiais made in Portugal, numa parceria que envolveu mais de 20 empresas portuguesas.

O projecto patente no Pavilhão 1 de FIL, até ao próximo dia 11 de Maio, foi idealizado com o objectivo de dar um voto de confiança ao mercado nacional e dar um ênfase especial ao que é português, incentivando e impulsionando à escolha do produto português.

A Casa dos Portugueses é um projecto idealizado pela Modal que conta com a parceria da AIP – Feiras, Congressos e Eventos. O projecto de arquitectura é da responsabilidade do arquitecto Carlos Pratas.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO