terça-feira, 2 de abril de 2013

Prebuild quer exportar 100 mil portas para a Argélia

O Grupo Prebuild está a negociar o fabrico em Portugal e a exportação para a Argélia de mais de cem mil portas, destinadas a equipar as 20 mil casas que ali vai construir ao longo dos próximos cinco anos.

As portas serão integralmente construídas na Porama, arredores de Sintra, uma unidade que o grupo de João Gama Leão adquiriu em situação difícil em 2010 e que em apenas dois anos viu o seu volume de negócios mais do que duplicar, tendo ultrapassado os 4,6 milhões de euros em 2012, sobretudo graças à exportação de 70 por cento da sua produção para o mercado angolano.

Fundada em 1949, a pequena unidade de carpintaria e marcenaria especializada em portas de interior conheceu, a partir da aquisição pela Prebuild, um processo de reestruturação que começa já a dar resultados.

A diversificação dos mercados internacionais, face à crise do sector em Portugal, constitui a principal prioridade da Porama, que, depois de Angola, pretende agora consolidar a Argélia como segundo grande cliente externo.
O contrato para as 20 mil habitações que a Prebuild vai construir na Argélia foi assinado em Fevereiro passado, numa cerimónia que levou a Argel o ministro português da Economia, Álvaro Santos Pereira.

Além das portas técnicas, área em que se dotou da mais avançada tecnologia, a Porama alargou a produção para o sector das cozinhas e roupeiros, com o lançamento de marcas especializadas em cada um dos segmentos a Kitchen+ e a Konfort+.

A Porama inaugura esta semana o seu primeiro showroom na fábrica do Linhó, arredores de Sintra.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO