segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Construção do novo Hospital Central de Évora poderá avançar este ano

A construção do novo Hospital Central de Évora poderá ser uma realidade ainda este ano mediante algum investimento do actual quadro comunitário. Recorde-se que em 2011 a construção do novo Hospital Central de Évora foi apontada como um dos investimentos a serem cancelados devido à presença do FMI em Portugal.

A informação foi adiantada pelo presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Alentejo, António Dieb, que explicou que a solução pode passar por "dividir o projecto em fases autónomas", permitindo "algum investimento ainda durante este quadro comunitário, garantindo a maioria do investimento no próximo, a partir de 2014".

Segundo António Dieb a um ano do fecho do Programa Operacional InAlentejo, "não existe disponibilidade financeira que permita garantir a totalidade do investimento", explicando ainda que "fasear não significa repartir a obra ao longo do tempo, significa identificar valências que, progressivamente fossem construídas, podendo algumas ser concluídas durante este quadro comunitário de apoio".
"A construção pode dividir-se entre os dois quadros comunitários de apoio. Iniciarmos neste quadro, com dinheiro que não está executado, e continuar outra fase de construção ou adquirir parte de equipamento com o próximo quadro comunitário de apoio", disse o presidente da CCDR do Alentejo.









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO