quarta-feira, 20 de abril de 2011

Cada vez mais empresas de construção na falência

As empresas de construção civil vivem numa “situação limite” devido à falta de pagamentos por parte do Estado, à falta de obras e aos juros exigidos pela banca.

Reis Campos, presidente da Confederação da Construção Civil, em entrevista à Renascença, traça um cenário negro.

“O sector da construção e do imobiliário vive numa situação limite: falta de obras, dificuldade de crédito, dificuldades que o país tem em avançar com um plano de obras que tinha previsto”, disse.

O presidente da AECOPS acrescenta que o que se verifica é que “as empresas têm constrangimentos financeiros graves devido à falta de pagamento atempado das entidades públicas e privadas”.

O número de falências de empresas de construção civil está a aumentar: depois das pequenas e médias empresas está a chegar a vez a grandes empresas da construção falirem, como, por exemplo, a NOVOPCA.

Fonte: Rádio Renascença









Seja o primeiro a comentar

Enviar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO